THE EDGE OF NEVER – J. A. REDMERSKI

Editora: CreateSpace
Páginas: 427
Versão Digital

Classificação: [rating: 5/5]

Depois de se ver totalmente descontente com tudo em relação à sua vida, Camrym Bennett decide fazer algo que sempre quis, mas que nunca teve coragem: viajar sem rumo pelo o país. Então, ela compra uma passagem de ônibus para um destino aleatório, pega uma bolsa com algumas coisas pessoais e toma seu rumo “sem lenço e sem documento”.

Dentro do ônibus, ela acaba conhecendo Andrew Parrish, um rapaz que vive a vida intensamente e que, por coincidência, estava indo na mesma direção que ela. Mesmo com alguma relutância por parte de Camrym, o intrigante e misterioso rapaz começa a tentar se aproximar.

Com as várias horas juntos dentro do ônibus e as semelhanças que existem entre eles, Andrew e Camrym iniciam uma nova amizade que acaba dando em uma roadtrip pelo o país.

Quando a viagem começa, eles rumam para um destino escolhido por Camrym, só que sem mapa qualquer. Eles apenas seguem sua intuição, escolhendo as estradas para as quais ir, passando por lugares diferentes, dormindo em hoteis de beira de estrada.. Tudo o que um dia eu queria fazer nos EUA. Acho que esse foi um dos motivos por eu ter amado TANTO essa estória.

“It’s my future and my life and I can’t make myself live the way someone else wants me to.” 

O sentimento entre o casal cresce aos poucos, sem pressa, assim como também vai crescendo a confiançaentre eles, fazendo com que compartilhem seus medos, fraquezas e segredos, criando um “mistério” que prende o leitor e faz com que ele sinta de tudo um pouco.

Muitas coisas diferentes acontecem com eles e entre eles, o que faz com que o clima aumente entre os dois. Junto com o crescimento do sentimento entre Andrew e Camrym, há também uma poderosa tensão sexual que faz com que eles se sintam cada vez mais atraídos um pelo o outro, algo arrebatador mesmo.

A estória de Camrym e Andrew é linda e faz com que você queira que o livro não tenha fim. Ela é uma garota que muitas outras desejam ser, daquelas decididas e com um enorme desejo de liberdade. Ele é um fofo, daqueles que se importa, protege e que só quer viver o que a vida tem de melhor. Depois de toda a aventura que eles passam juntos e toda a curiosidade e vontade de fazer algo parecido com o que eles fizeram que a autora desperta no leitor, ela ainda consegue fechar o livro com chave de ouro (que final, meu Deus!).

“The Heart always wins out over the mind, The heart, although reckless and suicidal and masochist all on its own, always gets it way. The mind may be what’s best, but I don’t give a shit what my mind is telling me anymore. Right now, I want to live in the moment.” 

A narrativa possui uma ótima fluidez e é um livro que você fica com vontade de marcar cada frase. Com certeza um dos melhores livros que já li e com uma estória totalmente original. A química entre o casal é simplesmente encantadora. Você fica querendo poder viver cada capítulo. 

PS. Às vezes eu acho que esse livro deveria ser classificado para maiores de 18 anos, porque tem umas cenaaas… HOT, HOT, HOT! 😡

Nível do inglês: Fácil/Médio
Gênero: New Adult

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *